Border Collie: fotos, preços e cuidados da raça


Quem quer adotar um cachorro e fazer com que ele mantenha um estado de boa saúde permanente requer um conjunto de cuidados. Esses cuidados não estão apenas focados na parte física, no bem-estar físico do animal. Eles devem prezar também em seu bom estado mental, social e psíquico. Isso por que a saúde do cão não se restringe a inexistência de doenças. Nos cuidados do Border Collie estão inclusos todos esses tipos de cuidados.

Entre os inúmeros cuidados básicos e essenciais que um cachorro precisa ter estão os passeios diários, ter sempre à disposição uma quantidade e qualidade de alimentos razoável e companhia o bastante. Tal prática servirá para inibir a ocorrência de cenários e quadros de ansiedade, estresse ou outro problema emocional.

Border Collie

Uma raça inteligente e brincalhona. As crianças vão adorar o Border Collie

Além dos cuidados gerais que todos os cachorros precisam receber, há ainda aqueles cuidados específicos da raça Border Collie,por exemplo, como é o caso.

Gostaria de saber mais sobre como cuidar melhor do seu Border Collie? Leia esse artigo e descubra!

As características físicas do Border Collie

Antes de saber quais são os cuidados necessários para se lidar com o Border Collie e cuidar melhor dele, é fundamental explanar-se a respeito das características dessa raça e isso inclui as características físicas.

O Border Collie é uma raça canina que está situada entre as raças mais inteligentes que existe. Aliás, ele ocupa a posição número um no quesito inteligencia entre os cães. Esse grau de inteligência é traduzido em um cão com uma capacidade fenomenal de concentração, incrivelmente obediente. Ele é portador de um nível de inquietude e agilidade  simplesmente impressionantes no que se refere aos processos de aprendizagem.

Ele se caracteriza por ser um cachorro super desperto, muito vigilante, bastante receptivo, dócil, carinhoso e bem sociável. Ele é assim sociável tanto com o outros animais, quanto com os seres humanos. Ele é também muitíssimo curioso.

 

Não podemos deixa de lembrar que o Border Collie é um cachorro de pastoreio. Por conta disso, ele necessita de uma grande quantidade de atividade física. Um espaço bem amplo onde ele pode se desenvolver livremente é algo importante.

Algo muito marcante que é típico dessa raça é a sua fenomenal lealdade ao seu dono. Para o cão, o dono se constitui em uma espécie de líder que fará companhia a ele imbuído de muita coragem, estabelecendo um forte vínculo emocional.

As necessidades de exercício físico do Border Colllie

Conforme já dissemos anteriormente, o Border é um cachorro de pastoreio, ele é portador de uma capacidade inata para essa atividade. Por essa razão, caso houvesse outros animais ou crianças na casa, é possível que ele tentasse formar um rebanho.

Para evitar esse tipo de comportamento, você deve providenciar ao seu Border uma dose bem generosa e abundante de exercícios físicos. É claro que todos os cães precisam se exercitar. Contudo, algumas raças caninas, como o Border, precisa de uma porção extra de atividades.

O Border necessita de mais ou menos uma hora meia de exercício todos os dias. Esses exercícios devem ser divididos em variados passeios e atividades. Um bom exemplo de atividade é um esporte canino chamado agility. Esse esporte perfeito para esse cão, por conta da sua gigantesca capacidade de concentração.

Como é o adestramento?

É incrivelmente simples e fácil adestrar um cachorro dessa raça. Esse processo é considerado simples pelo fato de que estes cães possuem uma inteligência enorme, o que significa que eles aprendem novos comandos com apenas poucas repetições. Junte-se a isso a sua habitual obediência e tudo isso faz com que ele se torne mais fácil de ser adestrado.

Todavia, justamente por sua enorme inteligência, há a possibilidade do Border acabar se aborrecendo no decorrer do processo de aprendizagem.

Por essa razão, além de usar o reforço positivo, é fundamental dar disciplina a ele por meio de atividades que sejam atraentes. Um exemplo: o pastoreio de ovelhas, o agility, caça a objetos perdidos e o running com pets de estimação.

A socialização da raça Border Collie

Como já dissemos em outro momento, o Border é uma raça muitíssimo sociável. Ele é assim tanto com os seres humanos, quanto com os outros animais. Todavia, se não houver uma boa socialização, quando ele atingir o tamanho adulto, ele pode se apresentar como sendo mais tímido e mais reservado.

Para dar todas as condições necessárias para que ele possua um temperamento mais equilibrado, é crucial inibir esse tipo de comportamento.

Por causa disso, é importante fazer a socialização dele desde filhote, o mais cedo possível, instigando o convívio com animais e pessoas diferentes. Desse modo, quando ele atinge a idade adulta, o Border vai se mostrar mais amistoso e confiante.

É claro que também existe a possibilidade de efetuar a socialização de cães adultos. Entretanto, esse é um processo bem mais longo, demorado e que às vezes requer o auxílio de um profissional.

Como cuidar dos pelos do Border

Essa raça canina possui dois tipos diferentes de pelo: medianamente longo ou curto. Esse pelo corresponde a um agente protetor eficiente contra as mudanças do clima. Então justamente por conta dessa funcionalidade tao importante que é necessário dar uma atenção especial a ele.

 

Para que a pelagem desse cão se mantenha em um excelente estado, ele necessita de escovação todos os dias. Isso pode ser feito com a ajuda de acessórios especiais para o cuidado estético e igualmente a limpeza do cachorro.

Esse cão só deve tomar banho quando for realmente muito necessário, pela sua essência como sendo um cão de pastoreio.

Como é a saúde em geral do Border?

Do mesmo modo que acontece com outros cães, ele precisa ser levado ao médico veterinário de tempos em tempos, além de receber todas as vacinas típicas e requeridas para cães.

Apesar de ser um cão que geralmente possui um excelente estado de saúde, ele tem propensão a ser acometido de displasia de quadril, problemas neurológicos e doenças nos olhos.

Para evitar tudo isso, somente com consultas ao veterinário, prevenindo e diagnosticando com antecedência uma dessas doenças.

Fotos e preços do Border Collie

O preço de um filhote de Border Collie pode variar de 1300 a 3800 reais.

Vamos exibir abaixo algumas fotos de lindos exemplares dessa raça:

Cuidando de um cão da raça Border

Se você adotar um cão da raça Border Collie, além dos cuidados habituais, precisa reforçar em sua mente a necessidade enorme que esse cão tem de fazer exercícios. Com isso sendo levado em consideração, você terá um cãozinho amoroso e feliz ao seu lado.

Add Comment